segunda-feira, 12 de março de 2012

GERAÇÃO PERDIDA

 Todos os dias vejo nos noticiários,da TV,do Rádio e dos Jornais,os crimes relacionados com o uso e o tráfico de drogas no Brasil. Obviamente que o "problema" das drogas não ocorre só no Brasil, mas a minha preocupação,e que deve ser de todos nós brasileiros, é com  nosso caso.
São,milhares de jovens com idade de 13,14 até 30 anos de idade que são mortos todos os anos,por causa do envolvimento com crack,maconha e outras substâncias tóxicas.  E além dos que morrem de mortes causadas pelo uso pessoal da droga , há os que são mortos por causa do envolvimento com os traficantes, tal como os que "devem dinheiro"para eles... Não perdoam mesmo!
E o problema saiu do âmbito policial e social e virou caso de saúde pública,pois as "Cracolândias" estão se espalhando por todo o País. Não dá para fazer "vistas grossas" mais ,pois o problema está bem perto de nós. Diria eu,bem perto de nossa casa,na rua,na esquina,em qualquer lugar.  A venda de  drogas virou "comércio familiar" e motivo de crimes. Quando vai preso o chefe da casa,alguém da família "assume"o comércio. E quando a polícia prende um,outros estão sendo soltos. E a criminalidade continua. Matam todos os dias. Hoje mesmo vi notícias de mais mortes aqui em Goiânia,GO, relacionadas ao uso e tráfico de drogas.
O Governo Federal disse que vai implantar um plano de combate às drogas,mas até agora vi só notícia. Tomara que não fique "só no papel",como é comum por aqui...Tem que investir mesmo,criar clínicas,formar pessoal,pôr o Exército nas Fronteiras,Polícias Estaduais e Federal e Assistência Social nas ruas,pois o problema não é só prender o traficante,tem de recuperar os jovens viciados,senão toda uma geração estará perdida,sem contar os mortos,pois estes "não têm futuro!"
Vi a reportagem no "Fantástico" da Globo, ontem (um dos poucos programas que ainda presta lá), e pelo que mostram,se houver "vontade política" e investimentos,pode -se diminuir o problema. E tem de acabar, também,com a corrupção nas polícias.Pois se estas não agirem corretamente,dificilmente diminuiremos com  a quantidade de traficantes soltos. Acabar com eles é quase impossível.
Para investir mais na recuperação dos jovens viciados , basta o Governo Federal,em convênio com os Estaduais e as Prefeituras, criarem as Clinicas de Internamento Compulsório, e colocar pessoal preparado para alí trabalharem,tais como médicos,enfermeiros e psicólogos .
O Dinheiro existe, e se os Deputados,Senadores,Ministros,Governadores e Prefeitos ,ou funcionários do próprio Governo, e demais políticos "roubarem" menos, ou pelo menos não fazerem tantos" desvios" de verbas, podemos minorar o sofrimentos destas pessoas viciadas, e de suas famílias, e recuperar muita gente para uma vida saudável,para o mercado de trabalho,etc.
O País,como um todo,como se diz por aí, precisa se envolver. Cada um de nós deve colaborar, Entidades,Igrejas,Conselhos Tutelares,Associações de Classe,etc.
Todos devemos colaborar,de uma forma ou de outra...
Até mesmo defendendo estas "medidas" e  "cobrando" das Autoridades,como estou fazendo aqui.
O Brasil somos todos nós!
- Pois o problema é muito mais grave do que parece!
Vamos agir, gente !

A.L.G.  -12 de março de 2012.