quinta-feira, 5 de maio de 2011

OS INOCENTES DE MÃOS SUJAS- 05

Nunca me conformo com injustiças ,porém "vira-e-mexe" elas sempre aparecem.Todo dia tem notícia nova!
Fico revoltado quando vejo ,ou ouço notícias sobre estas atrocidades,crimes de todas as formas,violência de torcidas de times de futebol,violência contra as mulheres,contra crianças, contra jóvens, que são mortos porque devem pequenas quantias aos "comerciantes/traficantes" .
 Fico triste quando vejo ,ou ouço notícias de  abandonos de crianças,até mesmo pela próprias mães..
 Parece que virou moda no Brasil.
E as emissoras de TV fazem destas  notícias sua principal audiência.
 Fazem "chamadas" escandalosas para elas,pois dão "ibope" !
 Quase todo dia,uma notícia nova,uma tragédia nova. Pessoas honestas,trabalhadoras, sendo assassinadas por, ladrões de bancos, de carros,de moto,de  bicicleta.....enfim, de qualquer coisa.
Fico assustado de viver num mundo assim. 
Ontem,visitando um amigo,advogado ,ele me contava que,atendendo um cliente novo que apareceu no seu escritório,num prédio central de Goiânia, num piscar de olhos,enquanto ele virou as costas,o cidadão com o qual ele conversava,interessado em seus serviços advocatícios,roubou sua aliança de casamento e o anel de formatura. Ele tinha deixado os dois na mesa,pois uns minutos antes tinha tirado para lavar as mãos na pia do banheiro....
Como pode ?
Foi apenas um lapso de tempo, segundos,ao virar as costas,o sujeito "surrupiou" estas peças,de valor muito mais pessoal/ emocional do que financeiro(se bem que a aliança de ouro e o anel não custam menos que R$ 600,a R$800 reais,ou mais,dependendo da pedra do anel).
Este ladrão,estava com um processo por furto e queria que o meu amigo,que atua na área criminal,o defendesse.
 É mais um destes reincidentes,que nunca ficam presos por  muito tempo...
E olha que este cidadão estava bem vestido,não usou armas e ainda por cima estava na condição de cliente.
E este amigo meu,além desse fato,contou  outro,em que um ladrão,fingindo ser cliente também, roubara um consultório dentário de uma Dentista,conhecida nossa,utilizando-se do mesmo ardil: Descuido !
E outras estórias,nas quais houve ameaça,armas,etc, contra profissionais no mesmo prédio,onde há várias câmeras de vigilância,porteiros,vigias,etc.
Conforme o amigo me disse, e eu até já sabia,os bandidos hoje não ficam muito tempo presos,pois as punições são fracas. Ele mesmo já defendeu vários destes ladrões de pequenas coisas,pequenos bens ,e agora foi vítima de um.
 As  leis são brandas  ,existem muitas atenuantes,diminuição de pena,etc.
Não há mais jeito, o mundo é dos ladrões,parece...
As leis são muito frouxas,tais como os políticos que as fazem...
Mas esperar o que de uma sociedade onde um ex-deputado, ou senador, daqueles que se reunem para "fabricar leis" , no nosso" processo legislativo" e que nunca morou aqui em Goiás,nunca foi candidato aqui e que agora, recentemente,  "ganhou" de presente do Governador de Goiás ,um cargo  na Saneago(empresa estadual goiana) , com um salário de mais de R$ 12.000.00.  Dizem que ele é membro do conselho "não-sei-do-que", lá da Saneago ...
Posso dizer o nome dele, é o Heráclito Fortes, aquele feioso,que tem a boca de sapo (Deus que me perdoe), e que ganhou essa benesse do Marconi ,nosso Governador eleito,que faz o jogo do "toma-lá-dá-cá"  desse mundo político. Decerto devia algum favor ao Heráclito.
 O pior de tudo,foi ver o Deputado Hélder Valim,que é de minha região( bairro onde moro) e no qual já votei duas vezes, ficar na Tribuna da Assembléia Legislativa de Goiás,como vi ontem na TV, defendendo a vinda desse político bocudo ,acho que do Piaui,para "trabalhar" em uma Empresa Estadual Goiana. Aí é demais !
E nós, os "eleitores otários" somos obrigados a votar nesse "povo"ainda.
 Alguns políticos deveriam estar presos...
Mas, ao contrário, eles estão tentando até acabar com a "Lei da Ficha Limpa " !
Qual a diferença entre o cliente-ladrão,que roubou meu amigo, e este Senador (ou é ex?) que veio aqui ficar "coçando o saco", na Saneago, às custas do dinheiro que pagamos da  água e do esgoto e de nossos impostos ?
ALG 05 de maio de 2011