sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

A "Mania dos Celulares" e os Problemas que isto pode causar .

Agora,além da mania de se usar o celular o dia todo, como a maioria das pessoas já faz, existe mais um motivo para aumentar ainda mais essa mania.  Criaram um mecanismo diferente para firmar o aparelho e ficar mais fácil a produção de "selfies".
É uma espécie de "pau",suporte ou cabo de metal ou plástico, que serve para firmar o aparelho para que a pessoa possa tirar as próprias fotos ou "selfies" até quando estiver no mar,na piscina,na rua,na chuva,na fazenda,ou numa casinha de sapé. 
Ou em outras situações, para depois postar nas redes sociais. 
Alguns já chamam este artefato de "pau-de selfie", e seus preços variam de R$ 30 a  R$ 200,00 .
-Dizem que tem uns especiais,para "riquinhos" metidos a besta custando até R$ 500,00 ...
-Pode uma coisa destas Arnaldo ?
Um casal que estava na praia e que foi entrevistado pela  repórter da TV Globo,num domingo  destes, disse:
-"Tiramos as fotos para postar no Facebook e mostrar para os outros a nossa felicidade "
E muitos fazem estes auto-retratos ou selfies para isto mesmo: Para causar inveja, mostrar onde estão, para que os outros vejam onde estão ou estiveram,com que roupa estavam. Estas coisas de quem quer aparecer. 
-É pura vaidade mesmo.
Só que as tais "selfies" nem sempre servem ou provam a felicidade verdadeira. E muitas  das vezes esta alegria é só na foto. 
Um dia destes,numa cidade do nordeste,um casal de namorados estava na praia todo alegre. Tiraram "selfies" contentes,abraçando-se,se beijando etc. Enviaram para amigos e parentes. Estes receberam as fotos também por celular. 
Recebem em minutos, seja pelo Whatsapp ,ou Instagram, nem sei...Coisa da Internet !
O que sei é que é através dos aparelhos celulares. 
Cinco minutos depois,ao adentrarem ao hotel onde estavam hospedados,começaram a brigar. Era por ciúme ,porque a mulher tinha olhado para outro homem que estava na praia.
A futura sogra,que tinha ido com eles falou alguma coisa e o genro deu-lhe um "sopapo" que a "velhota" caiu no chão. 
Depois foi a namorada que apanhou também, pois foi em defesa da mãe. 
Lógico que não foi o celular a causa da briga,mas sim o ciúme exagerado do namorado.Só que as postagens deles para os amigos era de uma felicidade total. O que não era verdade.
Porém,há os que brigam por causa de ligações feitas pela cara-metade no celular. Há homens e mulheres nestas situações atualmente. Se vêem um número novo no celular da parceira ou do parceiro,conforme o caso, é briga na certa.
Já deu até morte recentemente mostrada na TV.
Aliás,tem gente morrendo, caindo de pensasco, pontes e viadutos,que se distraem e caem,ao procurar fazer uma selfie.
Moral e final da estória acima contada: acabou o namoro do casal da praia ali mesmo,e foram todos parar na delegacia,onde a mulher,que antes sorria na foto, deu queixa contra o namorado nervoso, pela agressão sofrida,por ela e pela sua mãe. 
Logo, fica claro que as aparências enganam, sempre. E ainda mais quando se trata de "selfies".
Daqui uns dias,provavelmente, irão fazer um filme: "O Celular Assassino"
Ou seja: nem tudo é como parece. 
Aqui a frase antiga do Luigi Pirandello (escritor Italiano)  que dizia que " Assim é,se lhe parece" ,  não soa como verdadeira. 
-A realidade é  bem diferente da fantasia. 
O certo é que essa mania do celular no Brasil (e no mundo) chega a irritar,pois as pessoas quase nem conversam mais. Os jovens estão ficando alienados e estão perdendo a noção do diálogo com as pessoas. Com os pais,principalmente.
-Tem muita gente viciada em celular.
Alguns jovens nem mais olham uns nos outros,tal é a fixação nos aparelhos. Principalmente agora que os celulares trazem facilidades para acessar de tudo neles: desde as próprias redes sociais até as TVs. Pode se acompanhar de tudo que está nas redes sociais e na TV através dos celulares.São muitos os aplicativos pra isso.
Tem o tal de "Instagram",o Whattsap, e outros que estão surgindo.E muito mais,que toma todo o tempo da pessoa. Sem falar nos jogos,nas fotos,o outras formas de postagens...milhares delas!
Tem aplicativos para tudo.
A tal mania de ficar vidrado nos celulares já está causando até acidentes,pois a pessoa não olha onde pisa e tromba até nos postes,nos carros,e caem nas ruas,pisando em falso,pois a vista está no celular. 
E a mente,como fica ?
E se estiver dirigindo,o perigo é ainda maior.
E tem causado até mortes,pois os ladrões querem os aparelhos de todo jeito. Se a pessoa se negar entregar o aparelho celular,corre o risco de morte,como já aconteceu e continua acontecendo todos os dias. 
Eles roubam para vender barato e comprar drogas.E há todo um comércio clandestino de celulares,com receptadores e vendedores. Esse é o mundo em que vivemos,infelizmente.
É a febre do celular tirando o sossego e a vida das pessoas.
Há muitas notícias sobre mortes e agressões envolvendo pessoas jovens por causa do celular. E também o seu uso em demasia tem causado problemas de torcicolo, na coluna e até na vista,como ouvi um médico falar na TV estes dias.
É preciso ter um limite para sua utilização,senão a pessoa fica doente e alienada.
Enfim,e em última análise, o celular também tira a atenção da pessoa.Afinal de contas,tem coisa pior do que você conversar com uma pessoa e ela nem olhar nos seus olhos? 
Tem muita gente agindo assim. Não nos ouvem nem nos veem. Só têm olhos e ouvidos para o celular.
-Muitas pessoas estão assim: "vidradas" nos celulares,não mais prestam atenção nas outras. E,assim, as amizades,as conversas e a atenção às pessoas,ficam prejudicadas..
Portanto,esse objeto ou aparelho, que é de grande utilidade na comunicação moderna, tem, por outro lado, servido para causar brigas,desavenças e até términos de relacionamentos.
Sem falar que muitas pessoas estão ficando alienadas, idiotizadas,como se o mundo delas fosse o que vê  e escuta no celular.

Até as relações entre casais estão sendo prejudicadas. Um amigo meu me disse esta semana que a ulher dele está tão viciada que nem mais olha para ele. Mal responde as perguntas. Disse-me ele que nas últimas semanas ela está levando o celular para a cama e fica mexendo nele por horas,até chegar o sono. E o marido fica só, a ver navios. 
-Assim já é demais ! 
É preciso saber usar  melhor o celular, com mais racionalidade e sem excessos.  
Na verdade, o celular é apenas um objeto tecnológico e de comunicação a mais para nos servir no dia a dia. 
-E serve mesmo.
Sabendo usar,é muito útil. Senão, causa os problemas acima descritos, e outros mais que não relacionei aqui.
Pensem nisto !
.............................................................................

Texto orgiginal : A.G. -  Reedição : 03 de fevereiro de 2017.