sábado, 9 de abril de 2016

MARTINHO LUTERO E A REFORMA PROTESTANTE !

Como muitos sabem,Martinho Lutero era um monge da Ordem dos Agostinianos e pertencente à Religião Católica Romana. Seu nome no original alemão era "Martin Luther" (daí foi tirado,obviamente, o nome do Pastor Batista Americano Martin Luther King). Lutero,como ficou mais conhecido na língua latina,nasceu em 1483 e faleceu em 1546.  Era originário da Alemanha mesmo.
Ele foi a principal figura da Reforma Protestante que surgiu na EUROPA a partir de 1521.
 Como monge e professor de teologia, Lutero influenciava os jovens e até seus colegas padres e monges,com suas ideias. 
Inicialmente, criticou as tais "vendas de indulgências". Através dessa premissa católica da época,qualquer pessoa obteria o Perdão de Deus,se comprasse as tais indulgências. E por estas e outras,se indispôs contra seu Bispo e depois não quis se retratar com o Papa Leão X . Por isto foi excomungado da Igreja Católica. 
Em 1517 publicou as suas 95 Teses ,que ficaram famosas e influenciaram muitos religiosos da Europa,surgindo dai a Igreja Protestante.
Lutero foi considerado um "fora-da-lei" pela Igreja de Roma e foi perseguido por um tempo. Depois se casou com uma ex-freira e começaram uma nova vida, e sua Igreja passou a defender a ideia de que os Padres Luteranos poderiam se casar. 
E agora estes são denominados Pastores. 
Atualmente,além da Igreja Católica de Roma, somente a Igreja Anglicana,cujo chefe é a Rainha da Inglaterra, e as Igrejas Ortodoxas  Russa e Grega, permitem estas denominações de "Padres".
Na maioria das outras Igrejas Evangélicas e Protestantes sérias, existem os Pastores. 
Atualmente alguns se autodenominam de Bispos,Apóstolos e temos até um outro Salomão,aquele esperto da I.U.R.D. (Leia-se  Igreja Universal do Reino do Edir Macedo) ... O agora barbudo Bispo do Grande Templo Comercial erguido em São Paulo. 
Um Banco "religioso", ou uma Igreja-Banco, para  que os trouxas deem dinheiro para ele...e para seus associados.
O filme" LUTERO" , último que apareceu no cinema, conta grande parte desta história do Martinho Lutero com riqueza de detalhes,  Este filme  foi produzido na Europa com financiamento dos Luteranos da Alemanha e Inglaterra.
No cartaz do filme, que vem escrito para nós em Português,temos a informação de que ele foi "Rebelde"  , "Gênio" e "Libertador". Obviamente que isto deve ser a opinião dos produtores luteranos. Para os católicos ele não libertou ninguém, mas sim criou,após esta sua rebeldia,uma nova forma de ver a religião e fundou uma nova Igreja. 
Nas Igrejas Protestantes de hoje, em todo o mundo,há correntes favoráveis aos santos, e algumas usam a Cruz como símbolo. Por exemplo: Igreja Luterana da Cruz.
Porém,originárias de outras correntes protestantes,principalmente da Inglaterra e dos Estados Unidos,estas "teorias" do Lutero e de seus seguidores,como Zuinglio, (Igreja Reformada Suiça),  e dos  Calvinistas, influenciaram depois  as Igrejas Neo-pentecostais, que surgiram pelo mundo. Contudo, estas, fugiram muito dos padrões do Protestantismo Europeu. 
Hoje as Igrejas Evangélicas exigem o tal do Dízimo,como uma forma do fiel melhorar sua vida financeira... Deixaram de lado o "espiritual" e defendem a crença de que,indo à Igreja deles,pagando o dízimo e fazendo o que eles querem,a pessoa melhora sua vida na forma patrimonial. 
O que nem sempre acontece. 
É a tal Teologia da Prosperidade, que está fazendo muitos pastores ficarem ricos se utilizando o nome de Deus.
No filme,o ator JOSEPH FIENNES dá vida ao personagem real Martinho Lutero e nos passa muito bem a rebeldia dele,contra alguns dos dogmas da Igreja Católica de então.  
Já o ator mexicano Alfredo MOLINA dá vida ao personagem do vendedor de Indulgências ( Johan Tetzel). 
Há ainda a informação de que Lutero teve uma visão que mudou o Mundo... 
Mudou mesmo foi a Igreja Católica,pois foi a partir de Lutero,de suas idéias e de suas Teses,que surgiu a Igreja Protestante,tirando seguidores do catolicismo desde então.
-No filme eles mostram isto. E mostram também a politicagem que havia entre os membros da Igreja Católica  com os Reis da Europa na época (Carlos V,no caso),uma dependência que demorou a se acabar.
No Brasil somente em 1891 a Igreja Católica se separou do Estado. Hoje vejo em algumas dioceses esta vinculação voltando de novo. Muito perigoso para a Igreja se misturar com a Politica,embora haja política e políticos nas Igrejas,principalmente nas Evangélicas (originárias do Protestantismo,como vimos).

Não concordo com essa premissa de que Lutero mudou o mundo pois, o mundo continuou em guerras e divisões e com muitos erros,inclusive na difusão de ideias religiosas.. 
Mudou a Igreja Católica, que perdeu seguidores e que passou a ter concorrentes. Aliás,muitos concorrentes em todo o mundo.
De tudo que consta no filme,o que mais concordo é com a ideia de que padres e pastores devem se casar. E que não se deve comprar a salvação,seja por meio de indulgências seja por meio de dízimos. Deus não perdoa a pessoa porque dá dinheiro para Igrejas. O perdão de Deus está muito além disso,e se baseia nas virtudes humanas, entre elas a Fé, a Esperança e a Caridade,que podem salvar a nossa Alma. 
E é só !...

Compilação de dados e texto original : Antônio Gomes- Edição :09 de abril de 2016